Smart City: Weber apresenta o Cidade Inteligente Criciúma

Os participantes do almoço-debate com o design Hans Donner, promovido pela Lide SC nesta quarta-feira, 26, foram surpreendidos com a apresentação do Cidade Inteligente Criciúma, o mais novo empreendimento imobiliário da Weber na Cidade Carbonífera.

Ainda em fase de concepção, o bairro planejado é projetado para ser o mais moderno do país dentro do conceito de smart cities. Além disso, o empreendimento criará um novo corredor viário para encurtar distância e mudar, para melhor, a mobilidade urbana de Criciúma.

O Cidade Inteligente impactará pelo menos 100 mil pessoas ainda na primeira fase, que versa justamente sobre a criação do novo anel viário, entre o Rio Maina e a Primeira Linha.

“Trabalhamos nesta ideia há sete anos para realmente criar algo inovador e disruptivo. Queremos colocar Criciúma no mapa das Smart Cities não apenas no Brasil, mas no mundo”, anuncia o CEO da Weber Empreendimentos e líder da vertical Smart City do Lide SC, Fernando Weber.

Mais do que um projeto pioneiro no Brasil, o empreendimento tem como objetivo desenvolver Criciúma a partir dos três pilares centrais que norteiam o conceito de Smart City: inovação, qualidade de vida e tecnologia.

O pré-projeto apresentado nesta semana pincela um pouco do que se pretende em Criciúma. Os espaços integrados mesclam arquitetura e design para privilegiar a mobilidade, a sustentabilidade, o contato com a natureza e o uso da tecnologia como forma de gerar mais qualidade de vida.

Surpreso com o projeto, o design Hans Donner, que participou da apresentação do Cidade Inteligente Criciúma, comparou os contornos criados pelo arquiteto Jeferson Aléssio aos grandes empreendimentos feitos na Europa e Ásia.

 “Honestamente estou surpreso com o projeto da Weber. Ver que alguém aqui pensa grande é absolutamente extraordinário. O caminho é este, definitivamente. A arquitetura, hoje, precisa de toques de design, porque é isso que as pessoas buscam. E cidade inteligente também é isso: magia para os olhos e facilidades para o dia a dia”, parabeniza Hans Donner.

O Cidade Inteligente Criciúma foi concebido como um centro de inovação, no qual as pessoas poderão viver, trabalhar, estudar, ter acesso a serviços, comércios e lazer.

O setor imobiliário, por exemplo, será composto por quatro partes: um loteamento aberto, um condomínio fechado de alto padrão, espaço para verticalização e uma alameda de moradias transitórias e hotéis para atender empresários, visitantes, professores e outros públicos que estão a negócios na cidade.

A construção de um mega supermercado da rede Althoff, instalação de universidade, posto de combustíveis e uma praça de serviços e de comércio diferente de tudo o que existe no país também integram o audacioso projeto.

“Queremos privilegiar o pedestre. Todos os prédios e demais equipamentos terão garagens e pequenas vias subterrâneas, para que as pessoas cheguem de carro, mas circulem sem a preocupação com o trânsito”, antecipa Fernando.

Todo o bairro planejado também terá circuito de videomonitoramento e recursos ambientais como captação da água da chuva. Inicialmente, o planejamento da Weber Empreendimentos é apresentar o projeto completo e lançar a pedra fundamental do Cidade Inteligente Criciúma no segundo semestre deste ano para iniciar as primeiras obras a partir de 2022.